domingo, 27 de janeiro de 2013

Começamos pelo fim
Quando a gente nem precisava terminar
Quando a gente nem precisava namorar
Ela então me disse adeus
Quando a gente só precisava se curtir
E nos desejar um pouco a cada dia mais
Algo tão tranqüilo
Algo que nos fazia bem
Foi embora assim tão facilmente
Assim sem olhar pra trás
Insistir?
Já não sei...
Nem mesmo lembro quem sou
Ou onde me deixei...

Cíntia Maria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com o esteto no pescoço   saindo do plantão Ela lê meus poemas Não estão na televisão     nem no rádio Não sou grande poeta Nem mesmo ...