sexta-feira, 6 de maio de 2011

Eu tenho

Eu não tenho tudo
Mas também não tenho pouco
Tenho é um amor
Estampado no meu rosto

Eu não tenho o céu
Mas tenho um punhado de estrelas
Tenho para ti
A minha vida inteira

Tenho sonhos de criança
E desejos de adultos
Tenho um sorriso
Que irradia no escuro

Tenho o peito a pulsar
E segredos a compartilhar
Tenho o querer mais antigo
A te fazer abrigo.

Cíntia Maria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Com o esteto no pescoço   saindo do plantão Ela lê meus poemas Não estão na televisão     nem no rádio Não sou grande poeta Nem mesmo ...